PRESIDENTE DA CÂMARA GARANTE ABONO NATALINO DE 100 REAIS PARA SERVIDORES

 

Publicado em: 10/01/2019 11:49 | Fonte/Agência: Prefeitura

Whatsapp

 

PRESIDENTE DA CÂMARA GARANTE ABONO NATALINO DE 100 REAIS PARA SERVIDORES

O prefeito Marcelo Passuelo (MDB) na ocasião destacou a parceria entre a Prefeitura e Câmara, enaltecendo a presidência da Câmara.

Na tarde desta quinta-feira, 13 de dezembro, o presidente da Câmara de Fronteira – Marcelo Moraes (PRB) devolveu do orçamento do Legislativo, mais R$100 mil reais para o governo fronteirense. A pedido do presidente da Câmara, a devolução será destinada para todos os servidores municipais, que receberão R$ 100 reais a mais no Ticket Alimentação, somente neste mês.

GOVERNO MUNICIPAL

“Só foi possível conceder esse abono natalino aos nossos servidores, graças ao apoio irrestrito da Câmara de Vereadores, em especial do presidente da Câmara – Marcelo Moraes, que foi sem duvida um grande parceiro nos piores momentos de nosso governo. Essa devolução de 100 mil reais para o Executivo, será integralmente repassada ao funcionalismo público”, destacou o prefeito – Marcelo Passuelo (MDB), lembrando ainda que 100 reais pode parecer um valor pequeno, “mas para o pai de família, ele vai fazer grande diferença”, concluiu.

PRESIDÊNCIA DA CÂMARA

Ao longo de toda a gestão do presidente da Câmara – Marcelo Moraes, o Legislativo sempre manteve uma relação amistosa com o governo fronteirense, mas, sobretudo, foi parceiro, efetuando devoluções significativas para amenizar a crise econômica da Prefeitura.

“Nós sempre pensamos, primeiramente, no bem-estar da população. Deixamos o ego e a vaidade de lado e sempre que solicitados estendemos as mãos para o governo do prefeito – Marcelo Passuelo. Fizemos repasses que ajudaram não só a promover a Festa do Peão, como também devolvemos montantes significativos, para que o servidor municipal não ficasse sem receber o seu salário. Como eu disse (…) temos que pensar primeiro na nossa cidade, na nossa gente, somos representantes do povo”, finalizou o presidente da Câmara, que deixa a presidência, no próximo dia 31 de dezembro.